Perguntas frequentes

Abra um vídeo e escolha a opção "Procurar legendas no opensubtitles.org". Esta opção está presente no menu "Legendas". Será então aberta uma janela com a lista de legendas disponíveis para o vídeo em reprodução. Escolha uma e clique em "Transferir". O ficheiro de legendas será transferido e aparecerá na janela do vídeo.

Em algumas placas gráficas e com alguns controladores o equalizador pode não funcionar. Para o ativar, aceda a Preferências -> Geral -> Vídeo.

Aceda a Preferências -> Unidades e assinale a opção "Ativar menus DVD (Experimental)" e defina a unidade DVD.

Aceda a Preferências -> Interface, selecione a opção "Interface com tema" e escolha a que mais gostar. Em sistemas linux tem que instalar o pacote smplayer-skins.

O método mais fácil de encontrar a configuração do SMPlayer é aceder à opção "Abrir pasta de configuração" no menu Ajuda. Se quiser eliminar a configuração atual e reiniciar uma nova com as definições originais, elimine o ficheiro smplayer.ini (certifique-se que o SMPlayer não está a ser executado ao eliminar o ficheiro).

São aplicações diferentes mas que funcionam em conjunto. O SMPlayer não é um reprodutor multimédia e o MPlayer é. O MPlayer é uma aplicação que funciona na linha de comandos e não possui menus ou botões pois é controlado com o teclado. Neste sentido, foram criadas diversas interfaces gráficas para o MPlayer e o SMPlayer é uma delas. Nestes termos, o MPlayer é a aplicação de reprodução e o SMPlayer a interface gráfica. O pacote de instalação para Windows já possui uma compilação do MPlayer pronta a utilizar.

Se tal acontecer, aceda a Opções -> Preferências -> Avançado e ative a opção Enviar nomes curtos (8+3) para o mplayer.
As versões recentes do mplayer já não apresentam este problema.

De vez em quando, o Youtube efetua algumas alterações no seu sítio web, o que faz com que o SMPlayer já não consiga aceder ao URL dos vídeos. Quando isto acontece, nós tentamos corrigir a situação e disponibilizar uma nova versão. Assim, deve certificar-se que está sempre a utilizar a versão mais recente da SMPlayer (e do SMTube).

No Linux, a descodificação múltipla requer um versão do mplayer ou do ffmpeg-mt O mplayer2 utiliza todos os CPUs mas o mplayer tem que ser configurado manualmente. Pode ajustar o número de processos em Preferências -> Desempenho. Defina o número de processos para um valor igual ou menor que o número de CPUs (e processos no caso dos processadores Intel) que o processador tem. Se definir um valor superior não produz qualquer efeito.

No menu Vídeo, aceda aos filtros de vídeo e escolha a opção "Adicionar contornos negros".

Sim. O UMPlayer é uma aplicação baseada no SMPlayer 0.6.9. Os seus programadores adicionaram diversas funcionalidades como por exemplo os temas e o suporte a vídeos Youtube e às rádios SHOUTcast. A maioria destas funcionalidades já foram implementadas no SMPlayer.
O projeto UMPlayer parece ter sido descontinuado, uma vez que não existem atualizações há alguns meses. Se você é um utilizador do UMPlayer, aconselhamos que passe a utilizar o SMPlayer. O SMPlayer já inclui a maioria das funcionalidades introduzidas pelo UMPlayer e acrescentou outras que não existiam.

É o explorador YouTube que foi incluído no UMPlayer e que nós adaptámos ao SMPlayer. No entanto, criámos uma aplicação independente e em sistemas Linux pode ser utilizado com outros reprodutores que não o SMPlayer.

Normalmente, isto ocorre se estiver a utilizar o controlador de vídeo directx. Nas Preferências -> Geral -> Vídeo, pode alterar o controlador para gl, gl2 ou direct3d.

Existem algumas opções que precisam de reiniciar o MPlayer com novos parâmetros. Esta é a razão para tal situação ocorrer.


Publicidade